Me libertei

9:37 AM

Olá lindas(os)!
Olá, meu nome é Bruna e vim contar um pouco de minha história...
Espero que goste!

Continue lendo o texto...




Eu não tinha muito o que falar, eu era tímida e sozinha... Fiz alguns planos, dentre eles minha mala para outra cidade. Era jovem tinha muitas perspectivas para concretizar. Tinha muitas ideias na mente, um diploma na mão, uma vida de sonhos.
Uma garota do interior saindo do seu ambiente, da calmaria para o caos diário da cidade grande...
Eu fui embora, fui cheia de vida.
CHEGUEI...
Sorri desfiz as malas, comemorei a minha independência com um sorriso fascinante no rosto. Me esvai de felicidade.

Lá eu comecei a trabalhar, a viver a vida como uma pessoa normal e os desafios dia a dia me impulsionavam a viver e lutar pelo acreditava. As saudades de casa eram imensas, haviam lagos e o barulho do dia nascendo da janela do meu quarto dos quais eu sentia falta. 
O tempo passou e eu já estava estabelecida, apesar dos choros e birras. Eu tinha conseguido passar por tudo, sem delongas... Não foi fácil, mas não foi impossível. Mas, faltava algo para me completar, algo que era hora de correr ou de esperar.

O AMOR...
Faltava alguém para amar, alguém para dividir meu dia. Que pudesse vibrar, sorrir, comemorar, amar e abraçar nos dias de frio. Ver filme e planejar loucuras, faltava... Eu sentia, faltava...
Sim, estava em busca de um amor. Em busca do saber de estar amando, de estar vivendo e de estar cantarolando feito boba...

Numa manhã de outono, ele veio singelo e cordial. Sorriso leve e gentil. Pensei "era ele", realmente apenas havia pensado. Após algumas conversas, trocamos telefone e começamos a sair.  Era incrível como ele se adaptava ao meu jeito e eu ao dele. Ele era exatamente como pensava, como eu sonhava... Disse "pensava"... 
Um dia levantei cedo e fiz meu café da manhã. A vida monótona de sempre, mas ele estava ali para acalentar meu dia chato e sem sentindo. Sorri para ele e ele retribuiu.
Fiz tudo o que toda mulher faz sai, trabalhei e fiz compras...
Cheguei exausta do trabalho, ele estava sentado na varanda conversando alegremente. Fui conferir e ouvi o que não queria ouvir...

- Você é linda... Adorei nosso encontro preciso vê-la novamente... Não é brincadeira, você é sensacional. Nunca encontrei alguém que pudesse ser como você, radiante... Bela e sensual, seu beijo é maravilho...

Fiquei sem reação, tonta e disse:

- O que significa isso? 

Ele me respondeu:

- Não é nada, deixa de se intrometer na minha vida! Você já está me cansando. Ela não é ninguém que interessa à você!

Eu fiquei sem ação, como alguém poderia mudar tão rápido. O amor havia acabado? O que eu fiz de errado?
Resolvi ficar calada e mesmo triste, adormeci. 
Acordei no dia seguinte, ele estava de pé... Frio e sério, mas tentou se aproximar de mim. Me pediu desculpas... Aceitei.

Um mês se passou e novamente brigamos por outra garota:

- Já cansei de você!

Eu respondi:
- Então, vá embora. Vai com ela!

Ele ficou calado, olhou nos meus olhos e me beijou. Me afastei, ele puxou meus cabelos e me disse:
- Não vou a lugar nenhum!  - E me jogou contra o chão.

Chorei por três dias...
As agressões continuaram... E foram piorando, tapas, socos e ponta-pés. Xingamentos, palavrões... Chorava e me deprimia a cada dia. Parei de produzir no trabalho, fui despedida e tudo piorou...

- Além de imprestável, está desempregada! - Disse com aspidez

- Culpa sua! - Rebati...

Sai de casa chorando as pressas, dormi na rua. Já não aguentava as agressões. Não tomava banho há dias, não podia entrar. Ele havia colocado outra em meu lugar, falou que se voltasse, me mataria... Jogou minhas roupas fora e disse aos 4 cantos que eu havia traído sua confiança e seu amor.

Eu fui enganada, roubaram minha vida... Minha casa e meu mundo. Um ladrão que se nomeou um admirador do amor, alguém que disse que sabia amar. Eu estava enganada... Estava perdida e estava sozinha.

Um mês na rua... Vi o mal, a discriminação, o ódio e o desprezo. Era quase meu fim, se não fosse pelo por um anjo...
Alguém me viu chorando, um homem de terno, parecia ser culto e bem estruturado. 

- Tudo bem, moça? - Perguntou.

- Poderia estar melhor, mas estou feliz por estar viva. - Respondi sorrindo. Sim, esse era o único motivo do qual eu era feliz.

- Precisa de ajuda? - Perguntou estendendo à mão.

- Acho que sim... 

- Venha comigo! - Disse ele gentilmente.

Fomos à padaria e as pessoas me olhava com certo desprezo. Ele pediu comida e água para mim. Comi muito, pois estava com muita fome. Havia dois dias que não comia...
Ele me olhava com uma ternura, com um brilho no olhar. Não sei explicar...

Na hora da despedida, agradeci.

- Muito obrigada por tudo, a vida dará em dobro tudo à você!

- Para onde vai, moça? - Perguntou ele preocupado.

- Não sei...

- E sua casa? 

- Tenho, mas é uma longa história...

- Adoraria ouvir, venha comigo!

Não tinha muito o que perder e fui com ele. Ele me levou ao seu apartamento, me deu roupas - que eram dele e ficaram enormes - tomei banho, há muitos dias não sabia o que era um banho quente e lavei o cabelo, estava horroroso.

Sai do quarto, outra pessoa... Talvez sorrindo mais, ele trouxe chocolate quente e enfim, contei minha história e ele se propôs a ajudar.
Ali começamos uma incrivel amizade, ele me ofereceu a casa dele. Roupas e me ajudou a recuperar meus bens e o rapaz - o individuo, cujo nome não quero mencionar - foi preso e tudo foi reerguido.

Três anos depois, sinto que as ocasionalidades da vida não trazem o amor. Mas, os gestos e as pessoas quando se faz o bem. 
Se eu me casei com esse anjo? Sim e foi a melhor escolha que fiz. A vida só precisa de um momento ruim para nos dar o melhor.

Nem todos os dias somos felizes, mas somos melhores para enfrentar os problemas e comemorar as coisas boas que a vida faz!

Att,

Bruna.

Os fatos e personagens não são verídicos, a história contada aqui são do direito da autora.


Beijos e Reflitam!




You Might Also Like

24 comentários

  1. Que linda, e que bom que ela teve seu final feliz. Todos merecemos um :)

    Beijos
    Fran
    Achei e Rabisquei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, há sempre coisas boas no mundo as quais devemos passar para vir outras melhores!
      Beijos!

      Excluir
  2. Que história mais linda, e graças a Deus ela teve o seu final feliz, como uma princesa ❤️
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, sempre merecemos ter um final feliz e que seja o melhor que a vida possa nos oferecer!
      Um beijo!

      Excluir
  3. Gente! Que texto incrível!!! Se desenrolar mais vira um livro maravilhoso, já pensou nisto amiga? Sucesso pra ti!
    Bjks!
    www.leticiaseki.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Sim, pensei exatamente nisso... Estou com planos, talvez isso saia...

      Beijos!

      Excluir
  4. Eu amo post desse tipo faz pensar na vida sabe? Hahahahah tenho um amigo que ele faz posts do tipo e acaba mim fazendo chorar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, estes posts nos fazem ficar assim, inclusive... Eu fiquei refletindo uns dois dias depois após escrevê-lo rsrs

      Excluir
  5. Que texto lindo. Amei o texto e a escrita!!! Gostei muito do final também hahaha
    https://karlademeloblog.wordpress.com/
    https://www.instagram.com/karlademelo/

    ResponderExcluir
  6. Texto muito interessante! Não duvido que seja a realidade de muita gente por aí. Principalmente as pessoas em situação de rua. Todas elas têm histórias, mas infelizmente a maioria das pessoas apenas as ignoram como se fossem invisíveis. É algo que precisa mudar.
    Abs,
    http://pensologosoupensador.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade...
      Infelizmente é a realidade de algumas pessoas em nossa mundo! Isso entristece...
      Um beijo!

      Excluir
  7. Eu tava revoltada, agoniada e querendo entrar na historia. Sorte que ela não é real kkk. Mas uma pena que existem pessoas que passam por isso. Tomara que essas pessoas encontrem seus anjos, assim como na historia :)

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiquei ao escrever, da mesma forma, acredite...
      hahahaha

      Mas, depois tudo passou e teve um final feliz!

      Excluir
  8. Que maravilhoso! Continua escrevendo pq vou continuar entrando aqui para ler mais histórias 💜

    ResponderExcluir
  9. Que lindaa, amei o texto
    E como uma boa história com um final feliz

    ResponderExcluir
  10. Que história mais linda! Me emocionei demais! Parabéns pela criativaidade <3

    ResponderExcluir
  11. Que história linda, amei o post <3

    Beijos,
    http://lipstickandpolaroids.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, a história é linda e triste... Mas, com um final lindo!

      Beijos!

      Excluir

Obrigada por comentar! <3